quinta-feira, 25 de maio de 2017

Supernatural: Os Winchesters encontrarão Scooby Doo na 13ª Temporada

Supernatural tem um jeito especial de nos surpreender em todo final de temporada. A season finale da 12ª temporada, ainda está na mente do fandom em todo o planeta! 
Meu Deus! aquelas duas horas foram as mais angustiantes dos últimos anos.  Teve fã que disse que o "banho de sangue" e as mortes de nossos personagens favoritos mais parecia Game of Thrones do que Supernatural.

Supernatural está no hiatus e eu deixei claro que só postaria notícias que fossem realmente relevantes.  
Na mesma noite em que todos aguardavam ansiosos pelos últimos episódios, a net literalmente "quebrou" com a notícia de um crossover entre Supernatural e Scooby Doo.

Os fãs enlouqueceram ano passado quando a seguinte foto foi postada na internet e desde então todos aguardavam alguma notícia e ela veio...
"Pode parecer insano, mas a notícia é real. O grupo mais querido da nossa infância que resolvia casos “sobrenaturais” e mistérios vai finalmente conhecer irmãos Winchester que enfrentam fantasmas, demônios e todo tipo de criatura sobrenatural há mais de 13 anos.

Michael Schneider, editor da revista Variety, que esteve presente no evento, escreveu em seu twitter:

“#Supernatural fará um episódio animado de #ScoobyDoo na próxima temporada”

O canal CW vai fazer um crossover de Supernatural com Scooby Doo na décima terceira temporada da série de mistérios sobrenaturais. A informação foi revelada durante a ComicBook, evento no qual emissoras contam seus planos para o ano.

Um crossover nada mais é do que juntar personagens de programas diferentes em uma coisa só. Isso significa que a próxima temporada de Supernatural vai contar com um episódio de desenho animado, no qual Scooby, Salsicha, Freddy, Daphne e Velma entrarão em cena para resolver um crime do além. Incrível, não é? A zoeira never ends em Supernatural.

Foram os próprios protagonistas da série, Jensen Ackles e Jared Padalecki, que anunciaram o episódio especial. O número 13 é um número mágico para Scooby Doo, que já lançou uma série chamada 13 fantasmas de Scooby Doo. Ainda não se sabe quando o episódio será exibido ou a data oficial para a exibição da nova temporada."
E as notícias não pararam de bombar desde o dia 18/5 e ontem, 24/5, fez sentido a fala do Dabb quando disse "vamos encerrar alguns assuntos e enredos nessa temporada - alguns para sempre e alguns temporariamente". 

Eu como todos os fãs estou desoladaaaaaa, pois Crowley sempre foi o meu demônio favorito, assim como sua mãe e bruxa Rowena. Mesmo que em Supernatural a "Morte" não existe de fato, sentirei saudades do mais odiado e amado demônio da Série. Obrigada Mark Sheppard por nosso Crowley e que Deus o ilumine em sua nova caminhada rumo ao sucesso, pois você é um ator maravilhoso e sempre será bem vindo em Supernatural.

"A season finale da 12ª temporada de Supernatural trouxe muita emoção para os fãs, selando, aparentemente, o destino de alguns queridos personagens. Se Misha Collins. que interpreta o anjo Castiel, disse que há uma possibilidade de voltar no futuro, apesar de seu destino no último episódio, o ator Mike Sheppard, o Crowley, utilizou as redes sociais para se despedir dos fãs.

 “A toda a minha família Supernatural em todo os lugares… minha equipe de produção e meus companheiros contadores de história… obrigado pela jornada. É tempo para algo novo. Até quando eu perco…”


Mark Sheppard interpretava o demônio Crowley desde a quinta temporada de Supernatural, sendo um dos mais queridos dos fãs, que certamente sentirão muita saudade de seu humor cínico."(www.heroisdateve.com.br)












quarta-feira, 24 de maio de 2017

Dia Nacional do Café

Enquanto estou preparando minhas aulas, aproveito para ouvir a Centro América FM. Pontualmente às 16 horas inicia "a hora do café" e eis que o locutor diz que hoje é o Dia Nacional do Café. Não sou de beber mais do que uma xícara por dia, mas  adoro o cappuccino... E já estou sentindo o cheirinho que vem lá da cozinha, pois está na hora da merenda.

"Na mesa do café da manhã dos lares brasileiros, no lanche da tarde na padaria ou reforçando o turno de quem trabalha na noite e de madrugada. O café é presença garantida em mais de 80% dos lares, de acordo com pesquisa da Euromonitor, contratada pela Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic). A tradicional bebida, no entanto, tem ganhado ares de novidade com a disseminação de cafeterias gourmet e a comercialização do produto em novos formatos, como as cápsulas e os sachês."

terça-feira, 23 de maio de 2017

Cine Teatro Cuiabá completa 75 anos

O Cine Teatro Cuiabá faz hoje 75 anos de existência e uma programação extensa foi preparada para comemorar a data. Além da projeção do filme "A Noiva Caiu do Céu" haverá a participação especial do pianista Arthur Scharneski, que tocará temas musicais de cinema, e do historiador e escritor cuiabano Aníbal Alencastro, antigo projecionista dos cinemas de Cuiabá, que contará a trajetória do Cine Teatro.

E atualmente a Escola de Teatro de Mato Grosso funciona em suas dependências, promovendo assim a formação de futuros artistas na arte de representar.

"O Cine Teatro Cuiabá foi inaugurado em 23 de maio de 1942. O prédio possui 1.182m2 de área construída, incluindo teatro com plateia para uma capacidade de 515 pessoas. Construído em área central da cidade, na Avenida Getúlio Vargas, ao lado do antigo Grande Hotel, oportunizou grandes espetáculos cinematográficos e cênicos até fins da década de 60.  
Em outras décadas, foi sede do Banco Bemat, cedido para a Fundação Cultural de Mato Grosso e sofreu interferências na estrutura do prédio ao longo dos anos. Passou por reforma, restauro e revitalização, reabrindo as portas em 2009. Funcionou até setembro de 2014. Em 2016 o prédio passou por revisão das instalações elétricas, hidráulicas e de ar condicionado, internet, prevenção e combate a incêndio, piso, cadeiras e também recebeu nova pintura interna e externa, reabrindo as portas ao público em agosto daquele ano.  
Tombado como Patrimônio Cultural do estado em 1984, o CTC integra os equipamentos culturais localizados na região central de Cuiabá. Além de ser um espaço de difusão artística, o Cine Teatro é também um centro de formação nas artes do palco. Por meio de parceria com a SP Escola de Teatro foi criada a MT Escola de Teatro, que oferece diversos cursos profissionalizantes continuados nas áreas de dramaturgia, sonoplastia, iluminação, cenografia, figurino, produção e direção, além de cursos e oficinas de curta duração em diversas áreas.  
No dia 23 de maio o Cine Teatro Cuiabá completa 75 anos de história e, para celebrar a data, volta a exibir o mesmo filme apresentado no dia da sua inauguração, em 23 de maio de 1942. O longa-metragem “A noiva caiu do céu”, de William Keighley, faz parte do Ciclo 75 Anos do Cine Teatro Cuiabá, que consiste em apresentar à sociedade sete filmes que estiveram em cartaz no teatro nas décadas de 40 a 70.  
O nome do primeiro filme que seria exibido pelo CTC na noite de inauguração foi mistério durante meses e a espera pela grande noite foi motivo de orgulho por parte da população. Isso porque a obra cinematográfica seria lançada em Cuiabá antes mesmo de ser exibida em outras cidades brasileiras. A construção do Cine Teatro foi, por si só, um grande acontecimento e o prédio, quando concluído, foi considerado moderno e luxuoso para os padrões da época."(CenárioMT)

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Os Presidentes do Brasil - IV

E vamos continuar conhecendo os presidentes que o Brasil já teve; mesmo que nas últimas semanas literalmente o país esteja "pegando fogo", precisamos nos aprofundar na História Política e evitar novos desastres no futuro.
"Artur da Silva Bernardes ( Artur Bernardes ) 1922 - 1926
Nasceu em Viçosa, Minas Gerais, em 8 de agosto de 1875. Em 15 de novembro de 1922, Artur Bernardes foi eleito com o apoio de São Paulo e Minas para a Presidência da República depois de acirrada campanha, cujo candidato oposicionista era Nilo Peçanha, que contava com o apoio da "Reação Republicana", formada pelos estados da Bahia, Pernambuco, Rio de Janeiro e o Partido Republicano do Rio Grande do Sul. O governo de Artur Bernardes foi marcado por vários movimentos revoltosos, como: a Revolta no Rio Grande do Sul contra a continuidade de Borges de Medeiros no Governo do Estado; a Revolta em São Paulo, chefiada por Isidoro Dias Lopes e promovida pelos "Tenentes"; a coluna Prestes – Miguel Costa – União das Duas Colunas Revolucionárias de Paulistas e Gaúchos; o Motim de Couraçado São Paulo, que ameaçava bombardear o Palácio do Catete. Enfrentou a Revolta do Forte de Copacabana, consequência direta dos problemas com os militares. Teve início o movimento Tenentista. No final de seu mandato, em 1926, o Presidente conseguiu fortalecer o Poder Executivo através de uma reforma  na Constituição de 1891.Governou sob Estado de Sítio durante 44 meses. Faleceu no Rio de Janeiro em 23 de março de 1955.

Washington Luís Pereira de Souza ( Washington Luís ) 1926 - 1930
Nasceu no Rio de Janeiro, mas eleito por São Paulo, procurou concentrar poderes em suas mãos e pacificar o país. Libertou presos políticos e diminuiu a censura à imprensa. Suspendeu o Estado de Sítio. Propagou um discurso anticomunista. A Quebra da Bolsa de Nova York, em 1929, levou à baixo todos os seus projetos econômicos. O preço do café desabou, levando a uma crise séria. Lançou Júlio Prestes, paulista, para sua sucessão, quebrando a ordem do Café com Leite. Não terminou seu mandato, sendo deposto por Getúlio Vargas, que liderou a Revolução de 30. Faleceu em 1957.

República Nova

Getúlio Dornelles Vargas ( Getúlio Vargas ) 1930 - 1945
Nasceu em São Borja, Rio Grande do Sul. Bacharel em Direito, foi deputado estadual, deputado federal, governador do Rio Grande do Sul e ministro da Fazenda no governo de Washington Luís. Chefe do Governo Provisório organizado logo após a vitória da Revolução de 1930, até 1934, quando foi eleito presidente da República pela Assembléia Constituinte. Durante o Governo Provisório, o Código Eleitoral estabeleceu o voto secreto, a Segunda Constituição Republicana, que, entre outras determinações, instituiu o salário mínimo e a Justiça do Trabalho. Sob o pretexto  de um golpe comunista ( Plano Cohen ), em 1937, Vargas dissolveu o Congresso e os partidos políticos. 


Estabelecido o Estado Novo com o golpe, outorgou a Carta de 1937, que fortaleceu o poder executivo. A economia brasileira foi dirigida no sentido de atender aos interesses nacionais, com ênfase na diversificação agrícola e no desenvolvimento industrial. Datam desse período a criação do Conselho Nacional do Petróleo, o planejamento da Hidrelétrica de São Francisco, a Companhia Siderúrgica Nacional, em Volta Redonda. Devido a Consolidação das Leis do Trabalho e à valorização dos Institutos de Previdência Social. Vargas tornou-se o líder dos trabalhadores. O fim da guerra ( 1939 – 1945 ) e a articulação liberal exigiam a redemocratização do País. No início de 1945, pelo Ato Adicional e outras medidas. Vargas autorizou eleições para presidente e para uma Assembleia Constituinte. Decrescentes, as Forças Armadas forçaram a sua renúncia em 29 de outubro de 1945."(www.mundovestibular.com.br).

domingo, 21 de maio de 2017

A Senhora de Wildfell Hall - Anne Bronte

Domingão de muito sol, pássaros cantando nas copas das árvores,  música de qualidade no rádio então, vamos ler par aumentar o intelecto. Eu estava lendo o Jornal A Gazeta e deparei-me com a indicação de um livro de Anne Bronte a caçula das irmãs famosas; e confesso que fiquei curiosa uma vez que nunca li nada escrito por ela.

"Anne, Charlotte (autora de Jane Eyre) e Emily Brontë (autora de O Morro dos Ventos Uivantes) compõem uma das mais famosas famílias literárias do mundo. A obra A MORADORA DE WILDFELL HALL (The Tenant of Wildfell Hall) foi escrita pela caçula das irmãs em 1848, há exatos 160 anos, pouco antes de sua morte.

A importância do romance vai além das barreiras da literatura, a obra levanta a questão do papel da mulher em plena Inglaterra na Era Vitoriana. Helen apaixona-se por Arthur Huntingdon, vai contra a opinião de sua família e sofre as consequências de um casamento com um homem desregrado e infiel. 


Mesmo apoiada fervorosamente na religião, com o desejo de superar e corrigir os maus hábitos de Arthur, Helen não obtém êxito na tentativa de livrar o marido do álcool e do ritmo justificado por ele como uma espécie de carpe diem. Com a ajuda de Frederick, irmão de Helen, uma fuga é arquitetada e Arthur abandonado. A protagonista consegue se estabelecer sob o anonimato em outra cidade, onde conhece alguém que poderá recompensar todo sofrimento e reconhecer a luta pelo destino.

O conflito entre puritanismo e liberdade que cercava a moral vitoriana é refletido na trama que recebeu excelentes críticas. Feminismo, luta pelo destino, novo posicionamento da mulher e religião são retratados por Anne, na Inglaterra do século XIX, que assinou o romance com o pseudônimo Acton Bell (bem como em outros pequenos trabalhos e poesias), pois além do conteúdo classificado como impróprio para mulheres, não era apropriado ao gênero que escrevessem livros. A MORADORA DE WILDFELL HALL é dividida em três partes, a primeira e a terceira são compostas por escritos dos personagens e a segunda parte lê-se o diário de Helen. Os atos moldam cada personagem, tornando a linguagem ágil e viva neste clássico da literatura inglesa inédito no Brasil."(
www.saraiva.com.br)















sábado, 20 de maio de 2017

Os donos do Arsenal Nuclear


É sempre bom ficar atento as notícias sobre os países e seus arsenais nucleares, pois as ideias extremistas estão avançando pela Europa, já chegaram aos Estados Unidos, já existe na Ásia e África e pode chegar ao Brasil.

"Os cinco membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas) são aqueles que oficialmente possuem armas nucleares.

São eles: Reino Unido, Rússia, EUA, China e França.

No Reino Unido, o atual sistema militar de armas nucleares, chamado Trident, é alvo frequente de críticas de políticos pelo alto custo de manutenção e pelo caráter supostamente desnecessário dentro da missão de preservar a paz mundial.

Mas o governo do Partido Conservador defende que o Trident permite ao Reino Unido ter voz nas principais mesas da comunidade internacional e serve como último recurso para evitar uma guerra extrema.

Porém, existem ainda quatro países que não são reconhecidos como "Estados Nucleares".

A Índia conduziu um teste bem-sucedido com armas nucleares em 1974, embora tenha uma política de "não usar primeiro" e de só agir em eventual necessidade de retaliação.

Quando o país se aproximou de conseguir produzir sua bomba, o vizinho Paquistão iniciou seu próprio projeto, por causa das tensões entre ambos.

Como se trata do único país muçulmano com capacidades nucleares, alguns classificam o potencial paquistanês como "a bomba islâmica".

A Coréia do Norte já foi alvo de forte reprovação por seus sucessivos testes nucleares. O país, no entanto, não tem a tecnologia para montar uma ogiva nuclear em um míssil de longo alcance.

Acredita-se que Israel tenha armas nucleares desde 1966, mas o país nunca reconheceu essa posse.
Por mais de dez anos, o Conselho de Segurança da ONU manifesta preocupação com o possível desenvolvimento de armas nucleares pelo Irã, embora mediante acordo recente o país tenha se comprometido a "limitar de forma significativa suas atividades nucleares mais sensíveis".

O Irã sempre argumentou que seus testes nucleares não têm fins bélicos, mas para aplicações em energia, como fazem países como Japão e Alemanha, visando evitar a dependência de reservas decrescentes de petróleo."(www.bbc.com/portuguese/noticias)

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Motivos para Visitar a 32ª Bienal em Cuiabá


Cuiabá foi novamente agraciada com a 32ª Bienal de S.Paulo, em 2015 mais de 8(oito) mil visitantes passaram pelo majestoso Palácio da Instrução. Neste ano, espera-se um público bem maior inclusive que os adolescentes possam comparecer e apreciar mais de 40 obras de dez países e inclusive de brasileiros.
 

Então, vejamos alguns motivos para visitar a exposição: 

1. Artistas Internacionais que têm como inspiração o Brasil

Dez artistas estrangeiros terão suas obras expostas no Palácio da Instrução. Entre eles está Ebony G.Patterson (Jamaica), com painéis que traçam um paralelo entre os contextos socioculturais do Brasil e da Jamaica, e Carolina Caycedo (Reino Unido), com a obra 'A Gente Rio – Barrado Seja', que tem como gancho pesquisas em arquivos, estudos de campo e atividades com comunidades ribeirinhas que afetadas pela privatização e comercialização da água.
 

 
 2. Obras exclusivas para exposição em Mato Grosso

O artista Wlademir Dias-Pino preparou uma seleção de obras especial para Cuiabá. A série denominada ‘Placas’ é composta por placas com imagens geométricas. Algumas delas foram inspiradas na cultura indígena dos povos do Xingu e outras têm como base a bandeira do Estado de Mato Grosso. As placas estarão instaladas na área externa do Palácio da Instrução e vão ficar expostas até o final do ano em homenagem aos 300 anos de Cuiabá, que serão completados em 2019.

3. Obras Audiovisuais

 

Entre as obras que serão expostas até do dia 9 de julho estão três filmes, todos brasileiros. ‘Estás vendo coisas’, de Bárbara Wagner, que trata de toda atmosfera em torno da música brega e as cenas cultural e criativa na periferia da cidade de Recife (PE). ‘O peixe’, de Jonathas de Andrade, segue a vida de pescadores de Alagoas e todo o ritual por trás da pesca realizada por meios tradicionais. Posicionada em um lugar entre o documentário e a ficção, o filme conversa com a tradição etnográfica da linguagem audiovisual. Já a instalação ‘O Brasil dos Índios: um arquivo aberto’, criada por Ana Carvalho, Tita e Vincent Carelli é um espaço imersivo de imagens, gestos, cantos e línguas de vinte povos indígenas, entre eles o Xavante, Guarani Kaiowá, Yanomami e Kayapó.
 

4. Agendamento Escolar

 

O Palácio da Instrução estará aberto para escolas que queiram levar turmas pra visitar a exposição. De segunda a sexta, das 13h às 19 horas, será possível levar turmas de até 40 alunos para uma visita guiada. As reservas de horário devem ser feitas pelo e-mail 32bienalmt@cultura.mt.gov.br ou pelo telefone (65) 3613 9240. Em caso de cancelamento da excursão, as escolas devem avisar com antecedência de 48 horas.
 

5. Entrada Gratuita  

Assim como a Bienal em São Paulo, em Cuiabá, a entrada é de graça. A 32ª Bienal de São Paulo – Incerteza Viva acontece entre os dias 16 de maio e 06 de julho no Palácio da Instrução. Os horários variam durante a semana para a visitação do grande público. De terça a sexta-feira, a exposição funcionará das 8 horas às 20 horas. Aos sábados, domingos e feriados, o espaço ficará aberto das 9 horas da manhã até às 18 horas. As segundas-feiras estão reservadas somente para as visitas escolares combinadas por meio de agendamento."(www.olivre.com.br)
 

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Supernatural: A Season Finale da 12ª Temporada

E a 12ª temporada chega ao final com duas horas de duração ou seja, os episódios 12x22 "Who We Are" e 12x23 "All Along the Watchtower"serão apresentados simultaneamente. E se for como os anteriores, realmente será épico e de deixar o fandom com a pressão nas alturas.! Eu já estou me preparando para o grande finallllllll....

 Andrew Dabb colocou mais lenha na fogueira ao responder algumas perguntas do EW e já estou desesperada só de ler... "Vamos encerrar alguns assuntos e enredos nessa temporada - alguns para sempre e alguns temporariamente - mas isso nos faz terminar com força para a 13ª temporada.
Finales, por definição, não podem ser loucos demais", Dabb diz, "mas será de longe o final mais autorrereferente que já fizemos. Ocorrerão reviravoltas como nunca fizemos".

Meus Deusssssss! ansiosa por assistir e aguardar meses até o retorno...

Já deixo avisado aos meus seguidores que durante o HIATUS, férias, não postarei nada nas quintas- feira, exceto se tiver alguma notícia relevante. Até outubro, sugiro que façam maratonas  enquanto aguardamos pela 13ª temporada. Tomara que seja tão boa quanto foi essa...
"É tradição sempre um final emocionante e inconclusivo para cada temporada, mas desta vez Andrew Dabb explica que esta temporada teve três pilares principais: conhecer um pouco mais sobre a Mary Winchester e a relação entre Dean, Sam, os homens das letras britânicos e finalmente o retorno ao foco em Lúcifer, que será dividido em duas partes, com um final emocionante."
Mesmo o produtor  Jim Michaels explicando como seria a 12ª temporada, os pseudos-fãs criticaram do mesmo jeito e olha que ele deu uma entrevista para o G1; durante a Comic Con/2016 foi falado sobre o retorno de Mary; como seria a presença dos Homens de Letras Britânicos; a importância de Castiel, Crowley e Lúcifer. Nem vou falar das críticas sobre a presença da Mary, que me deixa loucaaaa com os desinformados deste mundo digital.!

Eu irei colocar alguns trechos da entrevista do Jim aqui para quem não leu no G1. "Essa próxima temporada será mais pessoal. Não posso falar muito sobre ela, mas será um pouco menor”, explica o produtor executivo Jim Michaels em entrevista por telefone ao G1.
Com isso, ao longo dos próximos 23 episódios, “Supernatural” focará no relacionamento de Dean (Jensen Ackles) e Sam (Jared Padalecki) com a mãe (Samantha Smith), que volta à vida após morrer quando ambos eram ainda crianças.
Outro grande personagem que retorna à série é Lúcifer. O anjo caído, ávido por explorar sua nova condição de liberdade, possui um roqueiro interpretado por alguém que conhece a experiência na vida real - a experiência de um músico, é claro.
“Também abrimos uma nova porta com o ramo britânico dos Homens das Letras”, diz ele, sobre a organização misteriosa que parecia extinta no universo da série. “Vamos apenas dizer que eles são mais discretos e não estão nada felizes com a maneira como os dois têm lidado com seus negócios.”
Ele conta que são os novos fãs que mantém a série viva. “Sabe, estamos no ar há tanto tempo que já temos toda uma nova geração de fãs”, diz. “Temos toda essa geração Y que descobriu o show agora, foi à internet e assistiu tudo. É por eles que estamos fazendo essa 12ª temporada e é por eles que, confrontados com a possibilidade de uma 13ª e uma 14ª, pensamos ‘por que não?’.”

Essa fala e a do Robert Singer/produtor executivo de que a Série chegando aos 300º episódios seria encerrada, provocou no fandom uma indignação mundial.

"Nós falamos sobre podermos saber quando a série vai acabar, e se isso for, digamos, com 300 episódios, poderíamos contar uma história com 13 episódios [na temporada final]. Eu acho que seria ruim para a série caminhar ‘rumo ao pôr-do-sol’ sem um final. Acho que merecemos isso. Não sei qual é o fim, mas com certeza nós queremos fazer um.”

 Para os atores que interpretam os personagens "Sam e Dean", essa marca seria perfeita para um fim na série.

“Se nós não conseguirmos chegar a 300 episódios, acho que eu e Ackles ficaremos muito tristes”, disse Padalecki. “Quando chegarmos a 300, talvez seja a hora de dizer adeus. Sabemos que isso pode mudar, mas nós não estamos subestimando de um dia chegar lá.”
“No fundo, somos uma série sobre família, sobre amor. E isso é algo que se traduz facilmente para qualquer língua ou costume, mais do que qualquer outro programa. Tem muita gente que se sente só no mundo. Assim como nosso público, os Winchesters também estão sozinhos. Eles têm apenas um ao outro.”(G1- novembro/2016)

quarta-feira, 17 de maio de 2017

Palácio Paiaguá - Centro Político Administrativo

É interessante conhecer a História do Palácio Paiaguá, para entender o porquê dele concentrar todas as Secretarias num mesmo lugar. E agora que foi inaugurado o Parque das Águas, antiga Lagoa do CPA, tornou-se um novo point da cuiabania.

"Parte da história do Poder Executivo mato-grossense, o Centro Político Administrativo (CPA) e mais precisamente, o Palácio do Governo, foi na década de 70 a saída encontrada para reunir em um mesmo espaço a administração estadual.

O Palácio Paiaguás, construído entre os anos de 1973 e 1975, durante a gestão do então governador José Fontanilhas Fragelli (1971-1975) foi entregue em 15 de março, onde o ex-governador José Garcia Neto tomou posse.

 Localizado a três quilômetros do centro da Capital, em uma área de 2,200 hectares, em um terreno doado pela Prefeitura, o CPA foi idealizado para suprir a exiguidade dos espaços ocupados pela administração do Estado em casas ou escritórios alugados, impróprios ao funcionamento e atendimento, alguns em mau estado, e ainda, sujeitos à especulação imobiliária.

A princípio, a primeira construção erguida foi o Palácio Paiaguás, sendo mais tarde construídos, já na década de 80, os demais prédios de secretarias e autarquias.

O projeto do Palácio era um antigo sonho do arquiteto cuiabano Moacyr de Freitas, que juntamente com o também arquiteto Sátiro Phol de Castilho, propuseram-no ao governador Fragelli, que aprovou.

Assim, conforme o edital de maio de 1973, foram iniciadas as obras do Palácio, que levou o nome em homenagem à nação indígena de canoeiros, Paiaguás, que habitaram o baixo rio Paraguai.

A mudança da sede do Executivo do então Palácio Alencastro, no centro da cidade e atual sede do poder Executivo municipal trouxe, com o passar dos anos, desenvolvimento para a região do CPA, formando-se aí núcleos habitacionais construídos e destinados aos servidores públicos estaduais. A avenida Historiador Rubens de Mendonça era, à época, totalmente sem pavimentação e terminava no Palácio.

Desde a inauguração, o Palácio abrigou, como continua até a atualidade, os órgãos de apoio à governadoria e vice-governadoria, como Secretarias de Comunicação Social (Secom), de Planejamento, de Administração, Casa Civil e Casa Militar, além do Corpo de Guarda, atual Companhia Independente de Policiamento Institucional. No Palácio funcionam também a Coordenadoria de Defesa Civil do Estado e na atual gestão, a Secretaria Extraordinária de Projetos Estratégicos. Depois, foram sendo construídos dentro do CPA os demais prédios para abrigar as secretarias, reunindo em um mesmo espaço a maioria dos órgãos públicos estaduais."(Diário de Cuiabá).

terça-feira, 16 de maio de 2017

As Heroínas das HQs no Cinema

E as heroínas das HQs estão conquistando cada vez mais o público através das telas do cinema. Nos últimos anos belas atrizes tem sido filmadas como algumas das famosas heroínas da Marvel e da DC.

Para quem não tem o hábito de ler as HQs eu recomendo antes de assistir aos filmes e HQs não é exclusividade dos homens.
 "1. Jennifer Garner (Elecktra)

A protagonista da série “Alias” foi a maior atração da falida adaptação de “Demolidor”, protagonizada por Ben Affleck. Mulher que domina armas, Elektra Natchois é uma assassina cujo objetivo é vingar a morte de seu pai. Em 2005, a atriz voltou a interpretar Elecktra em um spin-off.
2. Halle Berry (Tempestade)

 Apesar de sua lamentável atuação em “Mulher Gato”, Berry é uma das atrizes que melhor defendeu seu papel de super-heroína graças a Storm, a mutante de cabelo cinza platinado cujo principal poder é o controle climático em  X-Man.
3. Scarllet  Johnsson (Viúva Negra)

Depois de uma tímida aparição em “Homem de Ferro 2”, Scarlett interpretou uma perfeita Natasha Romanov em “Os Vingadores”. A única mulher do esquadrão Marvel (além da recente incorporação da Feiticeira Escarlate) confirmou o talento de Scarlett para o cinema de ação, tanto é que que os aficionados por quadrinhos reconheceram a atriz como a perfeita espião russa da Marvel.

4. Gal Gadot (Mulher Maravilha)

A mítica super-heroína converteu-se no segredo mais bem guardado de “Batman vs Superman”, cujo triângulo de super-heróis será fechado pela mítica Diana Prince, amazona que será interpretada pela bela Gal Gadot.
5. Margot Robbie(Arlequina)

 Sejamos sinceros, os melhores momentos do recente trailer de “Esquadrão Suicida” são a aparição do Coringa, interpretado por Jared Leto, e uma explosiva Margot Robbie no papel de Harley Quinn, amante do Coringa e ex-psiquiatra do centro Arkham. Isto tudo e um taco de beisebol mortal formam uma das personagens mais aguardadas pelos espectadores."(Vix Tela)



segunda-feira, 15 de maio de 2017

Presidentes do Brasil III

História Política do Brasil é muito interessante quando a conhecemos profundamente, então, vamos continuar postando sobre os nossos presidentes.
"Venceslau Brás Pereira Gomes  ( Venceslau Brás ) 1914 – 1918

Nasceu em São Caetano da Vargem Grande, hoje Brasópolis, antigo Distrito de Itajubá, Minas Gerais, a 26 de fevereiro de 1868. Mineiro, vice-presidente de Hermes da Fonseca. Sua carreira política foi rápida e intensa: deputado estadual de 1892 a 1898; secretário do Interior do governo de Minas Gerais de 1898 a 1902; deputado federal de 1903 a 1908 e Presidente do Estado de Minas Gerais de 1909 a 1910, completando o mandato do falecido João Pinheiro. Candidato único à eleição. Governou durante toda a Primeira Guerra Mundial. Os conflitos estaduais se seguiram. Enfrentou a Campanha do Contestado no Paraná. Terminado o mandato, retirou-se da vida pública e faleceu a 15 de maio de 1966 em Itajubá, Minas Gerais.
Delfim Moreira da Costa Ribeiro ( Delfim Moreira ) 1918 – 1919

Nasceu em Cristina, Minas Gerais, em 1868. Pertencente à geração de republicanos históricos mineiros, foi deputado estadual de 194 a 1902, sendo nomeado secretário do Interior de Minas Gerais pelo Governador Francisco Sales,  permanecendo no cargo de 1902 a 1906. No ano seguinte foi eleito senador estadual e, em 1909, deputado federal, cargo a que renunciou um ano depois, quando foi novamente nomeado Secretário do Interior de Minas Gerais. Presidente deste Estado em 1914, ocupou o cargo até 1918, quando foi eleito vice-presidente na capa de Rodrigues Alves. Como o presidente eleito não pudesse assumir, Delfim Moreira foi empossado e manteve o ministério que Rodrigues Alves nomeara.

Seu estado de saúde, com tudo também, não era bom, e foi Afrânio de Melo Franco, ministro da Viação, quem assumiu temporariamente os encargos do Governo. Após o falecimento de Rodrigues Alves, Delfim Moreira assumiu a Presidência. No seu governo,  o Brasil se fez representar na Conferência de Paz, em Paris, pelo senador Epitácio Pessoa, eleito Presidente da República a 13 de maio, em disputa como candidato da oposição, Rui Barbosa. Logo após a volta do novo presidente do exterior, Delfim Moreira passou-lhe o cargo em 28 de julho de 1919, voltado à vice-presidência. Morreu em 1 de julho de 1920.
Epitácio Lidolfo da Silva Pessoa ( Epitácio Pessoa ) 1919 – 1922

Nasceu em Umbezeiro, Paraíba, em 23 de maio de 1865. Ministro da Justiça no governo de Campos Sales: exerceu simultaneamente o cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal e procurador-geral da República de 1902 a 1905.Foi eleito Presidente da República, tomando posse em 28 de julho de 1919, em substituição de Rodrigues Alves, que falecera antes de tomar posse. Ao deixar a Presidência da República, foi eleito Ministro da Corte Permanente da Justiça Internacional do Haia, mandato que exerceu até novembro de 1930. Seus principais atos como Presidente da República foram: a construção de açudes no nordeste; a criação da Universidade do Rio de Janeiro – a primeira do Brasil; a comemoração do primeiro Centenário da Independência, e a inauguração da primeira estação de rádio.

Durante seu mandato o País sofreu grave crise econômico-financeira, sendo contratado um empréstimo com a Inglaterra para fazer frente a uma terceira valorização do café. A sua administração foi marcada por greves e agitações políticas, como a da Bahia, Maranhão e Pernambuco – A que respondeu com intervenção federal. A nomeação de ministros civis para as pasta militares deu inicio a uma crescente insatisfação que culminou com o fechamento do Clube Militar e a prisão de seu presidente, o Marechal Hermes da Fonseca. O levante do Forte de Copacabana, em 5 de julho de 1922, da Escola Militar do Rio de Janeiro, e da guarnição de Mato Grosso, foi declarado estado se sítio por 30 dias, prorrogado, sucessivamente, até 1926, faleceu em 13 de fevereiro de 1942."(Revista Aventura na História).